Passados quase 40 anos da implementação das primeiras políticas públicas voltadas para o enfrentamento à violência contra as mulheres nos parece oportuno, por ocasião do dia 25 de novembro – Dia Latino-americano e Caribenho de Luta pelo Fim da Violência Contra as Mulheres –, compartilhar algumas reflexões que temos acumulado sobre tais políticas, sobre o fenômeno da violência propriamente dito e sobre o papel dos movimentos feministas neste âmbito. 

Uma menina do interior do Maranhão morreu na última segunda-feira, 23 de novembro, após a ingestão de um chá de ervas para interrupção de uma gravidez oriunda do estupro e sua mãe foi presa. Se o aborto fosse legalizado no Brasil e se os direitos humanos das mulheres fossem encarados como inalienáveis pela sociedade brasileira, por seus políticos e gestores, certamente conseguiríamos proteger a vida de tantas meninas que já se foram, assim como de muitas que ainda virão.

Com período de inscrições de 24 de novembro a 16 de dezembro de 2022, a iniciativa é uma parceria do SOS Corpo com a Fundação Open Society e pretende apoiar grupos e coletivos de mulheres populares, negras, indígenas, quilombolas, jovens, LBT’s e de mulheres com deficiência do estado.

O documentário “Digo às companheiras que aqui estão”, que conta um pouco da trajetória de Lenira Carvalho a partir dos seus relatos em entrevistas e imagens de arquivo, será exibido no festival no dia 16. Saiba mais!

No nono e último artigo de análise das eleições 2022 para a Marco Zero, Carmen Silva avalia a vitória de Lula e os desafios que estão postos para o governo e o campo da esquerda nos próximos anos.

Em seu novo artigo para a Marco Zero Conteúdo, Carmen Silva fala da conquista de votos na reta final do segundo turno e das intensas movimentações para garantir a vitória de Lula. Vale panfletagens, porta a porta, caminhadas, manifestações artísticas, produção de material e conversas de mesa de bar.

No primeiro artigo para a Marco Zero depois da votação de 2 de outubro, Carmen Silva faz um balanço dos resultados, convocando os movimentos sociais e os eleitores a ocupar as ruas nesse segundo turno em defesa da candidatura do ex-presidente Lula.

Você sabe qual é a função de uma deputada estadual, federal e de uma senadora? Chega aqui nessa postagem que vamos explicar de maneira rápida e acessível e você ainda vai ter um bônus: vai descobrir como funciona a contagem de votos e como uma deputada pode vir a ser eleita!