Posts publicados por:


  • 25N na Colômbia: Uma marcha campesina

    25N na Colômbia: Uma marcha campesina

    Hoje assisti (pela primeira vez) à marcha do 25N na cidade em que vivo há pouco tempo. Foi uma experiência totalmente inédita: me encontrei com um grupo de umas 100 mulheres, entre 30 e 80 anos, também meninas pequenas de mãos dadas com as mães e avós, em sua maioria vestidas com roupa habitual das campesinas e habitantes dos povoados sabaneros. Por Zulma Consuelo Urrego Mendoza, na Revista Bravas.


  • 34º Encontro Nacional de Mulheres de La Plata: Outro mundo é possível

    34º Encontro Nacional de Mulheres de La Plata: Outro mundo é possível

    Durante os últimos quatro anos, as organizações feministas argentinas cumpriram um papel muito importante na resistência e contenção das populações mais vulneráveis, e chegaram fortalecidas a um encontro cujo lugar próximo à capital foi estratégico para assegurar um grande público. Ainda assim, nada foi capaz de prever que trataria da maior mobilização feminista da história da América Latina.


  • Luzes e sombras do trabalho doméstico no cone Sul

    Luzes e sombras do trabalho doméstico no cone Sul

    Por que o trabalho doméstico é realizado majoritariamente por mulheres pobres e racializadas? Por que parece invisível, se é tão essencial? Por que permanece precarizado e informal, se há leis que o regulam? O que o movimento feminista pode contribuir para que o trabalho doméstico seja dignificado, reconhecido e remunerado justamente? Por Cecilia Gordano Peile, na Revista Bravas.



  • A revolução da colher e “as mulheres”

    A revolução da colher e “as mulheres”

    Trinta anos se passaram desde o retorno da democracia no Chile. Não é menos tempo para que os vestígios de uma das ditaduras mais violentas da humanidade ficassem para um nunca mais e se construísse uma institucionalidade pública justa e equitativa, e – sobretudo – se restaurassem os direitos fundamentais que foram privatizados.