Passados nove meses da primeira morte por Covid-19, o Brasil está prestes a atingir o número de 200 mil óbitos causados pelo coronavírus. Confira lançamento do Boletim nº 2 produzido pelo Observatório Direitos Humanos Crise e Covid-19.

Série de reportagens do LeiaJá analisa os impactos sofridos pela categoria no período de crise sanitária oriunda da Covid-19, da perda em massa de emprego à piora das condições de trabalho.

Cinco das 39 vítimas de feminicídio em 2020 foram mortas por policiais ou ex-policiais. A articulação Mulheres Livres de Violência denuncia que as instituições paraguaias falharam na tarefa de proteger as mulheres durante a pandemia. via @AFM_mujeres

A série de diálogos promovida pelo Núcleo de Pesquisa em Participação, Movimentos Sociais e Ação Coletiva (NEPAC/Unicamp) traz nesta sexta-feira, 23 de outubro, às 18h, o debate sobre democracia, participação e movimentos sociais em tempos de pandemia, que terá a educadora do SOS Corpo, Carmen Silva, como convidada.

Convidada para debate na mesa “Crise do Capital, desigualdades sociais e orçamento público”, na Semana Universitária da UnB, Verônica Ferreira, do SOS Corpo, apontou a necessidade de nomear a crise virulenta que vivemos a partir das engrenagens patriarcal, racista e capitalista que sustentam o sistema. Confira!

Em debate realizado pelo Coletivo Mulher Vida, em transmissão online no facebook no último dia 02 de setembro, Carmen Silva, educadora do SOS Corpo e militante feminista do Fórum de Mulheres de Pernambuco, foi uma das convidadas para falar sobre os agravamentos da violência doméstica contra as mulheres em tempos de pandemia.

A ausência de ação do governo federal e do planejamento eficaz dos governos estaduais e municipais não permitiram que o país tivesse um controle mínimo da disseminação do coronavírus. Com a pressão capitalista por uma reabertura precoce dos serviços não essenciais, uma nova questão tem gerado angústia a milhares de mães e suas crianças: a falta de segurança para a retomada dos trabalhos e das aulas presenciais.

FMPE tem, desde o início da pandemia, fortalecido uma extensa rede de mulheres, seus familiares e coletivos parceiros garantindo alimentos, insumos e informações seguras de prevenção ao Covid-19 através de ações de solidariedade. Clique e saiba como colaborar!