Na próxima segunda (23/11) às 16h, organizações lançam Manifesto Coletivo Pela Vida e Pelos Direitos das Pescadoras Artesanais. A Denúncia Ao Vivo marca 13 meses de inoperância e de desrespeito à vida e aos direitos das mulheres da pesca artesanal.

Em um momento tão difícil para a frágil democracia brasileira, enfrentar a sub representação das mulheres, das pessoas negras, jovens, LGBTQI e da classe trabalhadora segue sendo um grande desafio. Leia o artigo de Carmen Silva, do SOS Corpo, para o projeto Adalgisas, da Marco Zero Conteúdo.

Nos dias 22 e 23 de setembro, acontece o segundo Fontes e Veredas do Programa de Formação 2020 do SOS Corpo, mediado por Silvia Camurça. A atividade terá como temas os desafios para a militância em torno da legalização do aborto e como colocar este debate no centro de nossas lutas é uma questão chave para a defesa da democracia. Inscreva-se!

Em todo o país, coletivos, comunidades e iniciativas dos movimentos sociais têm se organizado de forma autônoma para ajudar as populações que cotidianamente estão desassistidas pelo Estado. Para além da solidariedade assistencialista pregada pelo capital, as iniciativas unem informação e ação política para mostrar que o problema da crise é a desigualdade social provocada pelo sistema.