2

As Redes de Solidariedade estão desde o início da pandemia travando uma batalha para fazer com que milhares de pessoas não sucumbam à fome e ao coronavírus. Leia a reportagem especial do SOS Corpo e conheça algumas destas iniciativas e como apoiá-las!

As Redes de Solidariedade estão desde o início da pandemia travando uma batalha para fazer com que milhares de pessoas não sucumbam à fome e ao coronavírus. Leia a reportagem especial do SOS Corpo e conheça algumas destas iniciativas e como apoiá-las!

As Redes de Solidariedade estão desde o início da pandemia travando uma batalha para fazer com que milhares de pessoas não sucumbam à fome e ao coronavírus. Leia a reportagem especial do SOS Corpo e conheça algumas destas iniciativas e como apoiá-las!

De acordo com a PNAD Contínua do IBGE do 2º trimestre (abril, maio e junho), no Brasil, o número de trabalhadores domésticos formais que ficaram desempregados foi de 4, 33 milhões, o equivalente a 72,53% da categoria das trabalhadoras domésticas

Em 2020, emergem as negras e as mandatas coletivas. Num país em que poder do patriarcado é mais opressor na política, elas enfrentam preconceito, violência e hierarquias para sustentar pautas do feminismo e do Comum

Convidada para debate na mesa “Crise do Capital, desigualdades sociais e orçamento público”, na Semana Universitária da UnB, Verônica Ferreira, do SOS Corpo, apontou a necessidade de nomear a crise virulenta que vivemos a partir das engrenagens patriarcal, racista e capitalista que sustentam o sistema. Confira!