Artigo da Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma do Sistema Político evidencia como o lobby das grandes empresas do agronegócio conseguem se apropriar da política com leis violentas, para seguir o caminho de privatização da democracia.

A publicação é uma coletânea de textos das iniciativas Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma do Sistema Político e a Rede de pesquisadores e pesquisadoras Democracia e Participação, que apresentam contribuições importantes para o debate sobre a reforma do sistema político.

Corporações sustentam governos que trabalham a seu serviço, destruindo confiança na Democracia. Mas foi dentro dela que conquistamos avanços importantes, e apenas uma defesa rebelde em seu nome garantirá ampliação da justiça e igualdade.

Entre idas e vindas, o atual projeto que visa combater a desinformação, as chamadas fake news, deve ser votada nas próximas semanas na Câmara de Deputados em Brasília. Mesmo com as mudanças no texto original, fruto de muita pressão de organizações da sociedade civil que lutam por direitos nas redes, o projeto ainda apresenta riscos. Entenda o que está em jogo em mais um episódio do A Casa É Sua.

A representação política e seus mecanismos estão radicalmente afetados pela pandemia: alguns parlamentos da região se reúnem de forma virtual, os compromissos eleitorais do primeiro quadrimestre de 2020 são atrasados, as ações das autoridades são questionadas e há até demissões por causa da pandemia.

Manifesto da Coalizão Negra Por Direitos, organização autônoma que reúne diversas organizações do movimento negro, lança manifesto que exige a erradicação do Racismo como prática genocida contra a população negra no Brasil.

A segunda live do SOS Corpo reuniu diferentes movimentos sociais que debateram as saídas que estão sendo construídas pela sociedade civil no enfrentamento da crise provocada pelo coronavírus e pelo governo Bolsonaro. Assista!

Tem como manter um governo que se elegeu com ABUSO de poder econômico e disseminação de #desinformação (fake news)? Este governo que coloca em risco a vida do povo, cultua a morte e tem inclinações ditatoriais PRECISA ACABAR!

A Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas e diferentes organizações da sociedade civil emitiram nota exigindo a revisão do decreto nº729, do Estado do Pará, que reforça a ideologia escravocrata ao incluir as trabalhadoras domésticas como serviço essencial. Entenda.