Movimentos sociais de Pernambuco participam de lançamento da plataforma digital “Dialoga Brasil”

Plataforma digital Dialoga Brasil foi lançada na capital pernambucana na última sexta (21), em evento que contou com a participação de representantes dos movimentos sociais em Pernambuco. 

por Nathália D’Emery (SOS Corpo)

A presidenta Dilma Rousseff participou na última sexta (21), no Recife, de evento de  divulgação da plataforma digital Dialoga Brasil, e em seu discurso defendeu a redução das diferenças e a garantia de oportunidades iguais para todos/as brasileiros/as, destacando, entre outros pontos, a defesa da democracia e dos direitos sociais.

No ar desde o final de julho, a plataforma digital, como diz o nome, é um instrumento dedicado ao diálogo entre o governo federal e a sociedade. O lançamento no Recife foi exibido ao vivo para todo país através da emissora estatal NBR e contou com a participação de autoridades da sociedade civil, incluindo o Fórum de Mulheres de Pernambuco (FMPE); da ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello; dos ministros da Cultura, Juca Ferreira; da Secretaria-Geral da Presidência da República, Miguel Rosseto; da Justiça, José Eduardo Cardozo; da Saúde, Arthur Chioro; e da Educação, Renato Janine.

unnamed

Durante o evento, ministros e ministra apresentaram temas e programas de suas áreas – como Mais Médicos, Bolsa Família e Pronatec – e algumas perguntas de participantes da plateia foram lidas e comentadas pela equipe da presidenta. Sílvia Dantas, do FMPE, questionou os ministros da Cultura e Educação sobre a recuperação e a visibilidade da participação das mulheres negras na história do Brasil. Em resposta, o ministro Juca Ferreira aproveitou para reforçar que é necessário superar a marca da escravidão no país e comentou que a retirada das questões de gênero dos planos de educação é uma forma de perpetuar o machismo. Já Renato Janine destacou que trabalhar a diversidade é fundamental para todos os processos. Para Verônica Ferreira, pesquisadora do SOS Corpo, o encontro reforçou a necessidade que o governo federal dialogue de forma crítica com a sociedade civil e a importância da criação de mecanismos que possibilitem o monitoramento das políticas públicas e a interação durante os processos de construção destas políticas.

Conferências nacionais

Segundo o portal do Governo Federal, até o final do ano, as três propostas mais apoiadas no Dialoga para cada programa governamental serão submetidas a Conferências Nacionais e terão uma resposta oficial do governo, podendo ser concretizadas. O Dialoga Brasil já conta com mais de 10 mil propostas recebidas, 180 mil votos e 1 milhão de interações. O formato de lançamento da plataforma seguirá circulando pelas capitais brasileiras.

Foto: Agência Brasil

Edição: Paula de Andrade 

Deixe uma resposta

Next Post

Dossiê sobre aborto no Brasil

qui set 3 , 2015
A Frente Nacional contra a Criminalização das Mulheres que Abortam e pela Legalização do Aborto disponibiliza online o dossiê executivo […]
Instagram did not return a 200.
%d blogueiros gostam disto: