• Home »
  • #lutafeminista »
  • Pesquisadoras/es do Brasil, Argentina e Uruguai debatem desenvolvimento e autonomia econômica das mulheres

Pesquisadoras/es do Brasil, Argentina e Uruguai debatem desenvolvimento e autonomia econômica das mulheres

Seminário que acontece no Recife, esta semana, divulgará dados apurados a partir de pesquisa qualitativa que investigou a situação das mulheres no mundo do trabalho em territórios de forte impulso ao desenvolvimento, buscando conhecer a realidade a partir dos contextos dos municípios de Toritama, em Pernambuco; Barcarena, no Pará, e na Região Metropolitana de São Paulo. 

Com o objetivo de apresentar os resultados do Projeto de Pesquisa Desenvolvimento, Trabalho e Autonomia Econômica na perspectiva das mulheres brasileiras, o SOS CORPO – Instituto Feminista para a Democracia promove, esta semana, dias 29 e 30, um seminário que reunirá pesquisadoras/es do Brasil, Argentina e Uruguai, além de integrantes do movimento de mulheres e estudantes.

Nesse momento, no Brasil, o debate sobre os rumos do desenvolvimento tem grande centralidade, em função dos impactos provocados por megaempreendimentos nas populações, na economia e no meio ambiente. Com esse projeto de pesquisa, o propósito do SOS Corpo foi fazer um diagnóstico sobre limites e possibilidades desse modelo de desenvolvimento para enfrentar as desigualdades de gênero e as desigualdades geradas pelo racismo, no país.

Realizado graças ao apoio do IDRC – International Development Research Centre (Canadá), o projeto é composto de uma pesquisa qualitativa e de três estudos que apuraram a situação das mulheres no âmbito da qualificação para a Construção Civil; do programa Microempreendedor Individual (MEI); e considerando as mudanças e permanências das práticas sociais de cuidado.

O objetivo geral do projeto foi investigar a inserção e as condições de trabalho das mulheres no mercado informal, bem como as possibilidades e limites para a construção de sua autonomia econômica.

Público da pesquisa

A pesquisa qualitativa foi realizada com mulheres trabalhadoras inseridas no trabalho precário em três contextos considerados de intenso desenvolvimento: o Polo Industrial de Barcarena, no Pará, região Norte do Brasil; o Polo de Confecções de Toritama, Pernambuco, Nordeste do Brasil; e o Setor da Construção Civil, na Região Metropolitana de São Paulo, região Sudeste do Brasil.

Foram também levantados dados secundários quantitativos para a construção de um panorama sobre a inserção das mulheres no mercado de trabalho, considerando as relações sociais de gênero e raça.

Programação do Seminário

O seminário acontece a partir das 9h do dia 29, no Hotel Jangadeiro, em Boa Viagem. A programação completa, com palestrantes convidados, e os estudos elaborados estão disponíveis em hot site sobre a pesquisa e os estudos. Basta entrar em: http://www.soscorpo.org

 

Serviço:

Seminário Autonomia Econômica das Mulheres Trabalho e Desenvolvimento: Reflexões e Críticas Feministas

Dias 29 e 30 de outubro de 2015

Horário: das 9h às 18h

Local: Hotel Jangadeiro, em Boa Viagem, Recife – PE