• Home »
  • conjuntura »
  • Movimentos sociais de Pernambuco participam de lançamento da plataforma digital “Dialoga Brasil”

Movimentos sociais de Pernambuco participam de lançamento da plataforma digital “Dialoga Brasil”

Plataforma digital Dialoga Brasil foi lançada na capital pernambucana na última sexta (21), em evento que contou com a participação de representantes dos movimentos sociais em Pernambuco. 

por Nathália D’Emery (SOS Corpo)

A presidenta Dilma Rousseff participou na última sexta (21), no Recife, de evento de  divulgação da plataforma digital Dialoga Brasil, e em seu discurso defendeu a redução das diferenças e a garantia de oportunidades iguais para todos/as brasileiros/as, destacando, entre outros pontos, a defesa da democracia e dos direitos sociais.

No ar desde o final de julho, a plataforma digital, como diz o nome, é um instrumento dedicado ao diálogo entre o governo federal e a sociedade. O lançamento no Recife foi exibido ao vivo para todo país através da emissora estatal NBR e contou com a participação de autoridades da sociedade civil, incluindo o Fórum de Mulheres de Pernambuco (FMPE); da ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello; dos ministros da Cultura, Juca Ferreira; da Secretaria-Geral da Presidência da República, Miguel Rosseto; da Justiça, José Eduardo Cardozo; da Saúde, Arthur Chioro; e da Educação, Renato Janine.

unnamed

Durante o evento, ministros e ministra apresentaram temas e programas de suas áreas – como Mais Médicos, Bolsa Família e Pronatec – e algumas perguntas de participantes da plateia foram lidas e comentadas pela equipe da presidenta. Sílvia Dantas, do FMPE, questionou os ministros da Cultura e Educação sobre a recuperação e a visibilidade da participação das mulheres negras na história do Brasil. Em resposta, o ministro Juca Ferreira aproveitou para reforçar que é necessário superar a marca da escravidão no país e comentou que a retirada das questões de gênero dos planos de educação é uma forma de perpetuar o machismo. Já Renato Janine destacou que trabalhar a diversidade é fundamental para todos os processos. Para Verônica Ferreira, pesquisadora do SOS Corpo, o encontro reforçou a necessidade que o governo federal dialogue de forma crítica com a sociedade civil e a importância da criação de mecanismos que possibilitem o monitoramento das políticas públicas e a interação durante os processos de construção destas políticas.

Conferências nacionais

Segundo o portal do Governo Federal, até o final do ano, as três propostas mais apoiadas no Dialoga para cada programa governamental serão submetidas a Conferências Nacionais e terão uma resposta oficial do governo, podendo ser concretizadas. O Dialoga Brasil já conta com mais de 10 mil propostas recebidas, 180 mil votos e 1 milhão de interações. O formato de lançamento da plataforma seguirá circulando pelas capitais brasileiras.

Foto: Agência Brasil

Edição: Paula de Andrade