AFM apresenta a Declaração do Rio

afmA Articulación Feminista Marcosur (AFM) divulgou, nesta terça-feira (20), a versão final da Declaração do Rio, resultado do seminário internacional Prá lá e Prá Cá – o Direito das Mulheres às Cidades, realizado no Rio de Janeiro em maio deste ano, pela Redeh e Ciscsa (Argentina), em parceria com a Rede de Mulheres e Habitat.

A carta será apresentada na Terceira Conferência das Nações Unidas sobre Habitação e Desenvolvimento Sustentável (Habitat III) – que acontecerá em Quito, Equador, no próximo mês de outubro – como uma contribuição para a igualdade de gênero nas cidades.

As propostas apontam a perspectiva de uma nova agenda urbana, tendo as mulheres como sujeitos políticos que vivem e produzem a cidade. Também agregam ao conceito de direito à cidade as questões da agenda feminista, como a autonomia das mulheres de conviver e viver no espaço urbano com a garantia de todos os direitos e o enfrentamento à cultura patriarcal que ainda marca a constituição das cidades.

Leia íntegra da Declaração do Rio aqui: http://www.pralaepraca.org.br/imagens/DeclaracionDeRio.pdf