• Home »
  • agenda »
  • 16/09/2016 – Plenária da AMB no Recife reúne mulheres de todo o Brasil

16/09/2016 – Plenária da AMB no Recife reúne mulheres de todo o Brasil

ambMais de 120 mulheres de 17 Estados do Brasil se reúnem, a partir desta sexta-feira (16), no Recife, para realizar a Plenária Nacional da Articulação de Mulheres Brasileiras (AMB). O encontro, realizado até domingo, tem como finalidade analisar a conjuntura política e social brasileira e latinoamericana, a crise da democracia e o avanço do neoliberalismo. As atividades começam sempre às 9h.

“A plenária é importante para discutir formas de enfrentamento dessa conjuntura política que ameaça direitos e compromete as regras do estado democrático”, esclarece Joana D’Arc da Silva, coordenadora nacional da AMB. As mulheres farão uma avaliação coletiva das mudanças que estão ocorrendo na sociedade, como o recrudescimento do conservadorismo.

Por outro lado, vão destacar a revitalização dos movimentos feministas e de outros movimentos sociais.
Outro ponto em debate será a construção de alianças, diálogos, protagonismos e cuidado entre as próprias ativistas, além da avaliação da forma de organização da AMB (frentes de luta, comunicação, finanças, estrutura organizacional) e os desafios impostos pela nova conjuntura.

“Estamos num contexto completamente desfavorável para os movimentos sociais e precisamos pensar estratégias para atuar conjuntamente, que linhas de ação e lutas vamos priorizar até a próxima plenária, no ano que vem”, conclui Vera Guedes, coordenadora da AMB.

 

Ato Público

ato-recife-ambNo sábado (17), a partir das 18h, as mulheres participam do Ato Político Feminista em Defesa da Democracia e Pela Vida das Mulheres, no Pátio de Santa Cruz, bairro da Boa Vista.

O ato, promovido pelo Fórum de Mulheres de Pernambuco e AMB, será um momento de denúncias diante do contexto de regressão de direitos e do crescente cenário de violência sexista.

Também haverá um momento artístico cultural, com apresentação da batucada feminista do Fórum de Mulheres de Pernambuco, as Tambores de Safo (CE)e projeção de imagens da luta feminista nos Estados.